SEJAM BEM VINDOS!!

Fiz esse blog com incentivo de um amigo meu das letras. A princípio era mais uma brincadeira de escrever, mas aos poucos fui tomando gosto pela coisa, e hoje não consigo passar um dia sem "por os pés" aqui. Agradeço sinceramente os caros leitores que "pisarem" por aqui, também. Fiquem à vontade para comentar, sugerir, descer o cacete...rs, ou mesmo se tornar um "seguidor" desse democrático ou rabugento espaço (como queiram).

COMPARTILHANDO BLOGS

Olha quem acompanha esse blog:

domingo, 21 de março de 2010

CACOS DE VID(A)RO ADORMECIDOS - II


Os primeiros raios de sol batem na janela ofuscando a retina
Confundindo a memória de vidro
Vestígio de febre noturna no cristalino dos olhos
Que nada cristaliza
O peso da culpa é maior que a do corpo
Mas sem descer um degrau da arrogância
Anda pelo quarto como se ainda fosse seu
E assovia pela fresta uma senha conhecida da amada
A cura vem do próprio veneno
Anda a benzer o ar e abraçar o mar
Vai até aonde a vista alcança
E ali mergulha e sonha...
Só um fetiche ou um raio de sol o tirará daquela inércia
O orgulho corrói a vida por dentro.

Nenhum comentário: